O título acima causaria espanto se dito em uma reunião de família. Queremos cada vez mais dinheiro mas, ainda assim, não queremos falar sobre ele. Muitas vezes, pessoas financeiramente confortáveis sentem-se constrangidas com o assunto. E quem não tem dinheiro se consola com o clichê que nunca morre: “Dinheiro não traz felicidade”.

Em um mundo capitalista, quem não tem dinheiro não é respeitado, muito menos dono de si mesmo. Uma coisa importante no dinheiro é como você o ganha. Se você trabalha em algo que gosta, que faz você sentir orgulho, o dinheiro não é motivo de vergonha.

A melhor coisa de ter dinheiro é não pensar sobre dinheiro. A partir do momento que você tem que fazer cálculos para verificar se a conta do mês vai fechar, você está infeliz. A falta de dinheiro te tira o sono, desestabiliza emocionalmente uma pessoa e desestrutura uma família inteira.

Dívidas, falta de acesso à saúde, à educação, à boa alimentação, à cultura e à moradia digna. Ninguém é feliz sem dinheiro no capitalismo.

O dinheiro traz felicidade, sim.

“Durante 3 anos, entre 2008 e 2010, 1 milhão de moradores dos Estados Unidos recebeu telefonemas de gente interessada em saber apenas uma coisa: se eles eram felizes. A pesquisa foi conduzida pelo Instituto Gallup e pela Healthways, empresa especializada em gestão de doenças crônicas, e deu no Well-Being Index (ou “Índice do Bem-Estar”). A intenção? Avaliar o quanto eles estavam satisfeitos com a vida que levavam e de que modo seu nível de renda interferia nisso. Não por acaso, o início da pesquisa coincidiu justamente com o estouro da crise financeira que se alastraria pelo mundo.

Um estudo dos pesquisadores Angus Deaton e Daniel Kahneman, da Universidade de Princeton, nos EUA, baseado nesse índice (e com um recorte de cerca de 450 mil respostas) encontrou uma relação direta entre nível de renda e saúde emocional/avaliação positiva que uma pessoa faz de sua vida. Quanto mais dinheiro esses americanos relataram ter, mais felizes eles se consideravam. E, quanto menor a renda, maiores os níveis de tristeza e estresse. “A dor causada pelos infortúnios da vida, incluindo doenças, divórcio e solidão, é agravada pela pobreza”, constataram. Segundo o estudo, até uma dor de cabeça incomoda mais os pobres que os ricos.” SUPERINTERESSANTE.

Outra questão é como você usa o dinheiro que ganha. Quando você trabalha, você vende uma parte do seu tempo, então quando compramos alguma coisa, não pagamos com uma moeda monetária, e sim com nossas vidas. Vale a pena vender a vida por uma calça de quinhentos reais? Você realmente precisa disso?

O dinheiro pelo dinheiro não é saudável. Mas viajar, consumir livros, música, filmes, requer poder aquisitivo. O dinheiro é uma ferramenta para o uso, e não para autodeterminação.

É possível ser feliz sendo rico, mas na miséria, é impossível.

Anúncios
Posted by:Hernandes Matias Junior

Eu acordo cedo nos feriados. O vício da rotina não me permite acordar depois das nove, ao mesmo tempo que a TV me bombardeia sem tréguas com a programação da manhã e me causa sonolência, mas não tédio. Tédio é sentimento de pessoas que não têm inspiração, e isso é o que não me falta.

4 replies on “O dinheiro traz felicidade

  1. “Dinheiro não trás felicidade” é a frase mais idiota já cunhada. Deve ter sido elaborada por algum ricaço para consolar os pobres. Bom post, alguém com coragem para falar “a real” !

    Curtir

  2. É muito bom ler uma opinião assim. Eu sempre disse isso para todos: eu seria muito mais feliz se tivesse mais dinheiro. É óbvio que o clichê comum era vomitado quase no mesmo instante: não te traz felicidade. Eu respondia: minha felicidade está em conhecer lugares novos, comer em bons restaurantes, ir ao cinema sem precisar usar minha carteirinha do estudante falsa e por aí vai. Agora, se a pessoa é problemática, depressiva, não sabe se planejar, não tem objetivo na vida, rica ou pobre será infeliz.

    Grande abraço do Macaco.
    http://www.falamacaco.wordpress.com

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s